sábado, 22 de outubro de 2016

SEMPRE DIGA SIM!! PARA O MOMENTO PRESENTE



Escrito por Paulo Tavarez

Por que estar em guerra contra o mundo? Por que acreditar que a vida é uma luta? Pensando assim você estará em um eterno campo de batalhas, sua vida será um desenrolar de confrontos e você estará seguindo na direção oposta ao verdadeiro despertar. Por que insistir nesse modelo beligerante?

Revoltar-se contra os acontecimentos do seu dia a dia, reagir aos impositivos do Universo, fugir da realidade, tudo isso são subterfúgios que reforçam a sua postura covarde. Você se veste com o mito do herói, mas não percebe que tudo que está fazendo é negar a realidade, não percebe que age como um Dom Quixote lutando contra moinhos de vento. Você age assim porque ainda é regido por instintos, ainda sofre a influência do seu cérebro reptiliano que só conhece duas opções diante dos eventos: fugir ou lutar.



É preciso muita coragem para confiar, entregar, aceitar e agradecer por tudo aquilo que a vida estiver oferecendo. Quando você irá compreender que existe um objetivo elevado e voltado para o bem em tudo aquilo que incide sobre você?

Não importa o que este momento presente está apresentando, aja como se fosse você que estivesse escolhido vivê-lo desta forma, pois acredite, existe uma instância em seu próprio ser, conhecida como Self, escolhendo aquilo que se manifesta na sua realidade, pois essa mesma instância entende o que é melhor pra si, conhece as ‘verdadeiras’ necessidades da alma e, embora você discorde, saiba que esse ‘você’, que age com rebeldia, na verdade é apenas um personagem dessa trama, é apenas o seu ego.

O que já é, já é, não existe nada mais insano do que querer mudar a realidade, não existe nada mais insensato do que fugir daquilo que é e refugiar-se em idealizações estúpidas.



Isso não é comodismo, pelo contrário, isso é absolutamente inteligente e dinâmico, pois quando a gente se coloca humildemente diante dos fatos como um aluno diante de uma lição, o crescimento é gigantesco. Você quer ser aquele aluno repetente? Quer continuar passando por recuperações? Acredito que não! No fundo você quer graduar-se, então pense… por que ser tão rebelde? Por que não render-se aos imperativos da vida e entender que, na verdade, você nunca esteve no controle? Você sempre irá encontrar em seu caminho as pessoas que ‘precisa’ encontrar, você sempre estará exposto aos eventos que ‘precisa’ enfrentar, não existem erros ou injustiças, é apenas a sua visão que precisa mudar.



Entregue, confie, aceite e agradeça.

Jesus ensinava que é a vontade do Pai e não a sua vontade que deverá prevalecer. O Pai para o Mestre Nazareno é a própria representação do Self, é o Imago Dei de Jung, simplesmente, Deus em nós. O Pai é a essência que negligenciamos e, de forma absolutamente rebelde, tratamos de negar.

É preciso deixar de ouvir a mente e sentir o coração, é preciso deixar de orientar-se pelo velho programa de condicionamentos ultrapassados que, infelizmente, ainda, orientam nossas ações e voltar-se para si; voltar à casa do Pai, só assim, estaremos vivendo dentro da única realidade possível.

A realidade do momento presente.





Nenhum comentário:

Postar um comentário