segunda-feira, 5 de setembro de 2016

DEUS É AMOR



No momento que você diz Deus, ele parece uma coisa distante. 




É isso que eles vem dizendo há séculos: " Que Deus está em algum lugar lá em cima - no céu, muito, muito longe". 



Mas quando você diz amor, ele tá muito perto do coração. 

Os Sacerdotes são astutos e ardilosos, eles tentam provar que Deus está longe, porque se estiver, então só assim eles poderão ser os representantes, os agentes. 


No momento em que você usa a palavra Deus, ele dá um sentido de uma pessoa. 

Deus se torna limitado, definido. 


Mas o amor não é uma pessoa - é uma qualidade, uma presença, uma fragrância -, não é uma flor - é mais ilimitado, mas solto, mas infinito.


Desperte Consciente




3 comentários:

  1. Nao,Nao precisa de comentarios,pra mim è uma questao complicada,cheia de duvidas prefiro nao falar,mais se Deus è amor ...tenho que refletir!

    ResponderExcluir
  2. Congratulo-me com os Amigos de "muitoalem" por divulgar trechos de 'O Livro de Mirdad'. Comprova que realizam um Trabalho em sintonia com a ‘Fonte da Água da Vida’ ... "Se você é sincero, terá sucesso em seu coração", diz o ‘I Ching’. Hex. 29). É sob essa mesma égide que busco sinceramente partilhar nos meus blogs, ‘anjosensinosluz’ e o ‘portaldeanjos.blogspot.com/’, histórias reais e textos que podem despertar a busca de respostas do significado maior, por trás da existência nossa neste mundo da relatividade...
    Na verdade, a preparação para nosso trabalho começou com ‘O Livro de Mirdad’, quando me chegou às mãos o rascunho para ser editado no Brasil. Na madrugada daquele dia, eu acordara de madrugada com a percepção clara de existir inúmeros obreiros, de variados níveis de consciência, servindo a Grande Obra para a libertação da humanidade.
    Apesar de reconhecer a cegueira e limitação humanas, orei pedindo que me fosse dado também participar de alguma área dessa Obra. E a resposta inesperada veio logo cedo, antes do café da manhã. Um aluno da Rosacruz Áurea, que fazia traduções e revisões de livros, pediu-me para indicar alguém para ajudá-lo na revisão de ‘O Livro de Mirdad’.
    Eu desconhecia o Livro e pedi para ver um dos rascunhos que trazia consigo, e ele me passou o capítulo 11, que dizia: “O Amor é a Lei de Deus, Viveis para que aprendais a amar. Amais para que aprendais a viver” ... As palavras tocaram fundo meu coração: era a resposta à minha oração!
    Aprendi a fazer revisão tipográfica junto a editora, então encarregada, e fiz as revisões das provas, que originou a primeira edição de 1965, no Brasil. Dali em diante, ficamos encarregado das publicações dos livros da Rosacruz Áurea, até 1982. E tudo que aprendi serviu para aplicá-lo na edição dos blogs. ‘Nada acontece por acaso’. (Campos de Raphael).

    ResponderExcluir