segunda-feira, 7 de dezembro de 2015

A iluminação é o iluminar de onde você está exatamente agora — Jeff Foster



Não há um caminho fixo para a iluminação. 

A iluminação não é um destino, um objetivo, um lugar de descanso ao final de uma longa jornada — essa é a versão da mente para a iluminação. 

A iluminação é o iluminar de onde você está exatamente agora.


Isso é uma ótima notícia. Significa que ninguém é a autoridade no seu caminho — nenhum professor, nenhum guru, nenhum líder religioso. 

Significa que ninguém pode lhe dizer o "caminho" certo para você. 

Significa que você não pode dar errado, mesmo que você pense que você errou. 


Significa que nada que aconteça pode jamais te tirar do caminho, porque o caminho é o que quer que aconteça, sem exceção. 

Ninguém pode tirá-lo do milagre da vida, ou trazê-lo mais para perto dele, por assim dizer, já que o milagre está a toda volta, já brilha intensamente como cada pensamento, sensação, imagem, sentimento, cheiro, som e como o milagre mais profundo daquele que está consciente disso tudo.


Seja a consciência, brilhando no momento, qualquer que seja seu conteúdo.

Dúvida, medo, tristeza, raiva, confusão intensa — talvez, apenas talvez, estes não sejam nem inimigos nem bloqueios para a iluminação, mas expressões de uma inteligência mais profunda, mesma incompreensivelmente vasta e desperta inteligência que faz nascer as estrelas e move as marés do oceano e envia cada e toda criatura viva à sua jornada paradoxal em direção ao seu próprio ser.

Desperte da estória do tempo e espaço e do progresso em direção a um objetivo, e confie num momento sagrado. 

Pegue qualquer momento. Qualquer momento mesmo. Este momento. Porque cada momento é um ponto de acesso.

Nunca há nenhum bloqueio — só pontos de acesso.


E se você estiver exatamente onde você precisa estar agora, tendo exatamente a experiência que você precisa ter para o seu despertar?

E se você estiver enfrentando os desafios exatos que você precisa enfrentar, sentindo a dor exata, confusão ou incerteza que você precisa sentir? 

E se suas perguntas estão perfeitamente posicionadas, seus medos totalmente apropriados para este momento? 

E se até mesmo o seu tédio é coreografado com perfeição?

Sim, amanhã pode ser diferente.
Sim, você pode estar em outro lugar no futuro.
Sim, a mudança pode acontecer no tempo, e isso não é uma receita para a passividade.


Mas agora, você pode sentir a justeza deste momento?

A perfeição no lugar aparentemente imperfeito que você se encontra agora?

Você pode ver a inteligência na forma como as circunstâncias surgem para perfeitamente pressionar seus botões, para fazê-lo reagir e sofrer de tal maneira que você foi forçado a olhar para o que é real?

Você pode ver como até mesmo a sua dúvida, descrença, desilusão, mesmo a resistência que você sente, podem ser de fato a experiência perfeita para você agora?

Que não é um erro o fato de você está lendo estas palavras, e concordando ou discordando com elas, gostando delas ou rejeitando-as?

É possível que a vida nunca possa dar errado, que até mesmo a aparência de 'vida vai mal' é totalmente vida...e que mesmo em nossa aparente fragilidade, nunca são menos do que o todo?

É este o momento perfeito?


Você não é alguma entidade separada em uma longa jornada para uma finalização futura.

Você é pura poesia."
— Jeff Foster





Um comentário:

  1. Percebi algo incomum nessa postagem mas no final veio a explicação, trata-se de Poesia, e na poesia pode-se tudo...

    ResponderExcluir