quarta-feira, 6 de agosto de 2014

O MISTERIOSO "CONO DE ARITA" - ARGENTINA



Sinta-se parte dos desertos de sal; imagine-se voltando no tempo; considere-se perdido diante do tudo e do quase nada.



Perto da fronteira sul do Salar de Arizaro, a sexta maior planície de sal na Terra e a segunda maior da Argentina, encontra-se uma pirâmide vulcânica estranha. 




Um cone quase perfeito, que se eleva de forma inesperada no meio da planície de sal. Este é o Cono de Arita e paira majestosamente 122 metros acima do Salar. 




A aridez e cor marrom dominam o horizonte a frente,  até que se possa avistar o grande Salar de Arizaro, de quase cor esbranquiçada. 



Bem no meio dele, está o “Cono de Arita”, uma pirâmide negra, natural, que é considerada como a mais perfeita do mundo, parece um ilha destoante do resto da paisagem. 





No início do século XX, acreditava-se que um cone tão perfeito só poderia ter sido construído pelo homem. 

Mas o Cono de Arita é natural e acredita-se ser um pequeno vulcão que faltou força para irromper através da crosta e por isso nunca jogou lava ou desenvolveu uma cratera. 

Tudo ao redor do cone é sal trazido à superfície pelo antigo magma que flui no subsolo. 



De acordo com os vestígios arqueológicos encontrados no cone, o lugar era um centro cerimonial, antes da chegada dos Incas.







Fonte:http://www.amusingplanet.com/2014/07/cono-de-arita-in-argentina.html

Um comentário:

  1. sao maravilhosas as informaçoes que vcs dà pra gente,mi dao forças pra continuar no meu caminho em busca do alem, là aonde o nada pulsa, trasformando-se nas cores tao lindas que se trasforma na luz e aquece o meu coraçao .
    Maria das Graças Rodrigues.

    ResponderExcluir