sexta-feira, 1 de março de 2013

A TEMPESTADE - POR KHALIL GILBRAN


 photo ATEMPESTADE_zps2e343259.gif

A Tempestade

O Pássaro e o homem tem essências diferentes.
O homem vive à sombra de leis e tradições por ele inventadas;
o pássaro vive segundo a lei universal que faz girar os mundos.
Acreditar é uma coisa; viver conforme o que se acredita é outra.
Muitos falam como o mar, mas vivem como os pântanos.
Muitos levantam a cabeça acima dos montes;
mas sua alma jaz nas trevas das cavernas.
A civilização é uma árvore idosa e carcômida,
cujas flores são a cobiça e o engano e cujas frutas
são a infelicidade e o desassossego.
Deus criou os corpos para serem os templos das almas.
Devemos cuidar desses templos para que sejam
dignos da divindade que neles mora.
Procurei a solidão para fugir dos homens, de suas leis,
de suas tradições e de seu barulho.
Os endinheirados pensam que o sol e a lua e as estrelas se levantam
dos seus cofres e se deitam nos seus bolsos.
Os políticos enchem os olhos dos povos com poeira
dourada e seus ouvidos com falsas promessas.
Os sacerdotes aconselham os outros,
mas não aconselham a si mesmos,
e exigem dos outros o que não exigem de si mesmos.
Vã é a civilização. E tudo o que está nela é vão.
As descobertas e invenções nada são senão brinquedos
com a mente se diverte no seu tédio.
Cortar as distâncias, nivelar as montanhas,
vencer os mares, tudo isso não passa de
aparências enganadoras, que não alimentam o
coração e nem elevam a alma.
Quanto a esses quebra-cabeças, chamados ciências e artes,
nada são senão cadeias douradas com os quais o homem
se acorrenta, deslumbrados com seu brilho e tilintar.
São os fios da tela que o homem tece desde o inicio
do tempo sem saber que, quando terminar sua obra,
terá construído a prisão dentro da qual ficará preso.
Uma coisa só merece nosso amor e nossa dedicação, uma coisa só...
É o despertar de algo no fundo dos fundos da alma.
Quem o sente não o pode expressar em palavras.
E quem não o sente, não poderá nunca conhecê-lo através de palavras.
Faço votos para que aprendas a amar as tempestades em vez de fugir delas.


( Khalil Gilbran ) 



"Como é maravilhoso sentir o que este irmão e tantos outros já sentiam, aquando da sua passagem por aqui, semeando o que agora colhemos. Lágrimas de alegria aconchegam meu coração no reencontro com estes corações. Vivi envolta nestes corações toda a minha vida, quer nos sonhos "desta vida", quer nas longas noites escuras da alma, meu coração ressoava a cada leitura, a cada releitura...hoje, choro de alegria pelo "novo" entendimento. É uma imensa graça tudo isto. Sinto-me amada. E com eles e com vocês "lindos corações" estou a aprender a melhor parte: A AMAR.

Obrigado
Pury




6 comentários:

  1. QUERIDA PURY...

    Nós é que agradecemos por todo o seu carinho e amor que sai do seu lindo coração para irradiar não somente esse cantinho que é nosso ...de todos os corações que queiram se abraçar em Unidade mas, principalmente por fazer aquecer o nosso coração com a tua presença !
    Te amamos hoje...sempre...eternamente e muito mais além !
    beijocas flamejantes e brilhantes como a de um raio ,em seu Lindo Coração

    ResponderExcluir
  2. Linda partilha Pury! Obrigado de ((<3)).
    Khalil Gilbran continua sendo um poeta cuja "arte" é tocar as fímbrias de nossos corações!
    Acolhendo as "tempestades", vendavais, chuvaradas e todas as manifestações dos
    HAYOOOTH HA KODEEESH!
    Abraços luminescentes em Unidade! \0/\0/\0/\0/
    Cecy.

    ResponderExcluir
  3. Pedaçinhos de mim,

    Eu é que agradeço o vosso amor.

    Beijinhos nos vossos lindos corações, de todos

    Pury

    ResponderExcluir
  4. Pedaçinhos de mim,

    Eu é que agradeço.

    Beijinhos nos vossos lindos corações, de todos

    Pury

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Beijinhos prá tú também, Pury! MUAH!!!
      Graças pela Linda Partilha "pedacinho de luz"! :D
      Boa noite e Bom Final de Semana - a Todos(as)!!!

      Cecy.

      Excluir
  5. As palavras deste poema ressoam muito além...no coração!!
    É sem dúvida, uma grande alegria, poder ler e vibrar, reconhecendo
    grandes verdades por trás de cada rima...
    Lindo poema e linda partilha..Graças!!
    Que a Luz e a Graça nos envolva a todos, corações em unidade, ressoando a alegria deste reencontro,neste espaço de Liberdade e Amor e em nossos corações...

    Beijos no Coração de todos....

    ResponderExcluir